17 de dez de 2009

Darkside ;

Mais uma tarde como todas as outras... Sozinha, tentando incansávelmente me distrair com alguma bobeira da internet (e falhando), jurando que posso mais uma vez fugir de alguém que me persegue. O mais interessante, é que mesmo conversando com algumas pessoas, eu me sinto estranhamente vazia. Não é algo fácil de se explicar... Não é como dizem, que não se sente mais o coração, ou qualquer outro órgão vital. Eu só não consigo fazer com que brote algum sorriso na minha cara, não consigo pensar em coisas felizes... E sinceramente, não quero que nada feliz aconteça hoje. Por mim, o mundo pode explodir lá fora, e contanto que não encoste em mim, eu não ligo. Gostaria que chovesse hoje. Queria poder andar de esquina em esquina embaixo da chuva, voltando no tempo e mesmo assim não conseguindo dar a verdadeira importancia pra essa história. E claro, não me arrepender de ter me afastado daquela desgraça. Seria demais pedir pra que todos me deixassem em paz hoje? Não quero conversar sobre o que aconteceu, não quero explicar o que eu estou sentindo agora, não quero nem comentar sobre o meu pessimismo repentino. Só quero continuar aqui sentada, esperando a dor de cabeça voltar, tomando meu copo de leite torcendo pra que algumas pessoas explodam longe de mim.

Ao som de Another Day - Paramore ;
Lyah.

Nenhum comentário:

Postar um comentário